Sustentabilidade

Dia do Reciclador e da Reciclagem de Lixo – Caçambas Ecológicas contribuem para o fim sustentável de resíduos nas obras da PATRIANI

Escrito por  Redação

22/11/2021 às 15:48

3 minutos

Compartilhe este artigo

 

Reaproveitamento na reciclagem pode chagar até 80% de tudo que é coletado e transformado em usinas

Reciclar é uma palavra que todos deveriam não só falar, mas também colocar em prática no dia a dia. Na construção civil, por exemplo, se gera muito entulho por conta das obras. Por esse motivo, a preocupação em dar um fim sustentável para esses resíduos é de extrema importância e responsabilidade.

A CONSTRUTORA PATRIANI é uma empresa que trabalha diariamente para reduzir a quantidade de lixo e entulho, fazendo sua parte para a redução de impactos no Meio Ambiente.

A parceria da PATRIANI com a Rafa Entulhos é um exemplo de boa prática sustentável que acontece há dois anos. A empresa contratada coloca nas obras da PATRIANI caçambas ecológicas, as quais são destinadas para o descarte de resíduos separados.

De acordo com o momento de cada construção, muitos materiais, como concreto, argamassa, cerâmica, lata de tinta, plástico, papel, papelão, madeira, aço e ferro são gerados e devem ser reciclados, é aí que as caçambas entram em cena.

“Após o descarte dos materiais na caçamba, ela é encaminhada para a ATT (Área de Transbordo e Triagem de Resíduos). Após a triagem, os materiais são enviados para os ‘destinos finais’, onde serão reciclados em usinas”, destaca a assistente ambiental da Rafa Entulhos, Luana Freitas.

Quando os materiais chegam na empresa são separados por classes: A, B, B1, B2 e C. Na classe ‘A’ ficam os resíduos de concreto, alvenaria, argamassa, cerâmicas e solo, já nas categorias ‘B, B1 e B2’ ficam os resíduos de madeira, papel, plástico, metal e gesso. Por fim, na categoria C ficam os rejeitos da construção civil, como lãs de vidro e sujeiras.

“Os entulhos das classes A e B são passíveis de serem 100% reciclados, exceto quando são misturados, reduzindo a capacidade de aproveitamento para a economia reversa”, detalha a especialista.

Vale ressaltar que geralmente os resíduos de construção registram cerca de 70% dos recicláveis para os de classe A, ou seja, concreto, alvenaria, argamassa, cerâmicas e solo, e 5% para as classes B e B1, correspondentes à madeira, papel, plástico, metal e gesso, totalizando 80% de resíduos reciclados e 20% de rejeitos.

A redução de entulho no Meio Ambiente é um desafio constante que veio para ficar na constante na PATRIANI, alinhando sempre às boas práticas ESG (Environmental, Social e Governance) para o mercado imobiliário.


Utilizamos cookies para personalizar o conteúdo e analisar o nosso tráfego.
Decida se você deseja aceitar cookies do nosso site.